A vida de estudantes brasileiros na ‘Nova Rússia’

No terceiro tempo da série especial da Rede Record sobre a Rússia, o tema é um dos favoritos do blog, dos comentários e dos e-mails que recebo: estudar na Rússia. Quase toda semana tem pergunta, dúvida, história, tanto de professores quanto de alunos brasileiros que estão lá pela Rússia – sofrendo ou se divertindo – tentando obter um grau de qualidade e (muita) experiência de vida.

Os personagens da matéria são paulistas, paranaenses, goianos… guris gente boa, que cairam em Moscou. E o primeiro deles é Lucas, que faz mestrado em Direito na Patrice Lumumba – Amizade dos Povos (Rossiski Universitet Druzhby Narodov Patrice Lumumba). Uma universidade bem legal, ainda com um ótimo nome, embora, como as nossas públicas, bem sucateada. Antigamente era um porto seguro para os brasileiros que andavam pelos círculos comunistas e não eram exatamente bem quistos em terras verde-amarelas. Mas hoje em dia deixou a ‘aparelhagem’ política de lado e investiu no ensino puro e simples. Estudar lá não é muito fácil: você precisa ser aceito e pagar. Mas a forma de ingresso varia de curso para curso, de país para país. A anuidade média gira em torno de R$ 5 mil, podendo ser bem mais ou bem menos. E hoje apenas 1/3 dos alunos é de estrangeiros. Mas ainda assim, é um lugar bem divertido. Assisti aos jogos da Copa de 2002 por lá e foi absolutamente memorável!

Bom, mas voltando à matéria – se deixar, eu viajo mesmo -, Vinícius Dônola entra nos alojamentos da RUDN e mostra como a vida é por lá. E vou te falar, as coisas melhoraram MUITO em sete, oito anos. Tinha uns amigos lá que passavam sufoco com a precariedade das coisas. Imagino que, vários incêndios depois, enfim, tudo parece arrumadinho. Mas, com a palavra, a turma que mora por lá. Depois, o cara é Caio César, estudante de medicina, que conta um pouco sobre a temida ‘podgotovka’, ou curso preparatório/introdutório para que você aprenda a falar russo antes de estudar na universidade propriamente dita. É cruel chegar em Moscou, uma cidade gigante, cosmopolita, louca, sem falar uma palavra de russo. Você não consegue ler nada (inglês, nem pensar), fazer nada, enfim, um calvário. Durante esses meses, muita gente pede pra sair, mas quem sobrevive à podgotovka e a seus professores loucos já tem meio caminho andado.

Depois de reunir os brasileiros, a equipe conhece Patrícia, uma deficiente visual que estuda há dois anos na Rússia. Aí tem a história da família, da saudade, mas não tem jeito: quem está na chuva é para se molhar. E é como eu falo aqui pro pessoal. Quem acha que estudar na Rússia é mole, está enganado. Não bastasse as condições desumanas de clima (temperaturas que batem -20 graus e eventualmente, -30, -40, dependendo da cidade), a metodologia é antiquada, a cobrança é violenta e muitas vezes os professores lançam mão do nosso amado ‘assédio moral’, intimidam, desencorajam, desdenham, são ríspidos, duros, objetivos, impessoais… Para brasileiros, sobretudo, um povo que tende a pessoalidade e à doçura, é sempre uma perda. Ou vc acaba abandonando o curso ou então acaba abandonando sua ‘brasilidade’.

Enfim, estudar na Rússia é um sonho. Mas eu posso parecer metódico e tal, mas recomendo fortemente um planejamento detalhado. Hoje você pode obter informações sobre tudo em fóruns, conhecer ex-alunos da universidade para a qual você está indo, não tenha vergonha, escreva, ligue, pergunte o máximo possível. Prepare-se, tente se ambientar com o russo. Se for possível, vá até a cidade onde você pretende estudar antes. A Rússia não é para principiantes. Mas vale muito a pena. Depois que você quebra o gelo, descobre que voltar pode ser até mais difícil do que ir…

email
Related Posts with Thumbnails
http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/stumbleupon_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/delicious_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/technorati_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/google_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/myspace_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/facebook_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/yahoobuzz_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/twitter_48.png


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia o post anterior:
Futebol brasileiro na ‘Nova Rússia’ da Record

E não é que o futebol também foi tema da série sobre a 'Nova Rússia', exibida no final de 2009...

Fechar