Casal de bailairinhos de Joinville merecem um bis

E a história da Bruna e do André, que foram contratados pelo Balé Bolshoi na Rússia, também foi contada na Gazeta Russa. Para quem não conhece, é uma das melhores formas de se manter informado, em português, do ‘hard news’ sobre o que acontece na Rússia. O suplemento impresso sai uma vez por mês, às segundas-feiras, na Folha de São Paulo. Vale muito conferir. E bater palmas de novo para o brilhante casal do Balé Bolshoi de Joinville!

Para ler a matéria no site da Gazeta Russa, clica aqui ó.

Ginga brasileira no balé moscovita

A Escola de Balé do Teatro Bolshoi no Brasil, em Joinville acaba de receber um enorme e inesperado presente, logo após completar seus 11 anos: dois de seus principais bailarinos são os mais novos contratados do mais famoso balé de Moscou. Erick Swolkin e Bruna Gaglianone embarcam nesta segunda-feira, 11 de julho, para fazer os exames médicos e dar início aos trâmites legais para, em setembro, se juntarem aos demais bailarinos do Teatro Bolshoi de Moscou.

E, se já é difícil para um estrangeiro conseguir essa proeza, a coisa fica mais curiosa ainda se levarmos em consideração que dois conseguiram o feito ao mesmo tempo. E mais: ambos são namorados e são dois ‘cases de sucesso’ da única filial do Teatro Bolshoi fora da Rússia. Enquanto Bruna foi recrutada no Maranhão, Erick foi descoberto numa escola da periferia do estado catarinense.

‘Realmente é muito difícil entrar lá, para um estrangeiro. Foi um enorme susto! Era um sonho distante, uma coisa meio impossível de realizar. Eu já estava procurando outros caminhos, EUA, Europa… Mas Rússia? Eu abro mão do que for pra ir pra lá’, diz o jovem bailarino, que já está até tendo aulas de língua russa para se adaptar ao novo país.

Para Bruna, que assim como o namorado, passou os últimos 10 anos na escola de Joinville, ter tido uma formação clássica no método russo – o Vaganova – foi determinante: ‘Sem dúvida, ter essa formação ajudou muito. Já somos vistos com outros olhos. Eles são tão bons que querem pessoas que possa chegar ao nivel deles. E é isso que nós queremos’, diz.

O Supervisor-Geral da Escola, Pavel Kazarian, lembra ainda que é o primeiro caso de brasileiros que são contratados pelo Balé Bolshoi de Moscou sem passar por um estágio. ‘Significa que a escola está no caminho certo, que os bailarinos podem sonhar muito alto. Se tem como um bailarino daqui chegar no Bolshoi, pode acreditar que pode ter os sonhos mais impossíveis do mundo’, diz, lembrando outra grande honra para os dois: ambos estarão por lá durante a reabertura do Teatro Bolshoi, programada para 28 de outubro.

Agora, a dupla brasileira vai ter que manter o pique e o altíssimo padrão, já que os desafios serão imensos. Mas, quem pensa que a rigidez do Bolshoi de Moscou e a língua são o que mais intimida a dupla, se engana. Tanto Bruna quanto Erick fazem coro, quando são perguntados sobre a maior dificuldade da Rússia. ‘É o inverno’. Dificuldade que eles, certamente, vão contornar com o calor brasileiro.

PS.: Vale lembrar que o Bolshoi de Joinville já foi capa da Gazeta Russa, na viagem que fiz para lá em abril. Confere como foi

email
Related Posts with Thumbnails
http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/stumbleupon_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/delicious_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/technorati_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/google_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/myspace_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/facebook_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/yahoobuzz_48.png http://www.falandorusso.com/wp-content/plugins/sociofluid/images/twitter_48.png


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia o post anterior:
Tem brasileira cantando na terra da vodka

Topei com a notícia de que tinha uma cantora brasileira que estava aparecendo bem na Rússia faz pouco tempo. Uma...

Fechar