Destruir Ferraris e Lamborghinis a mais de 200km/h: moda em Moscou

0
691
views

Ontem, um acidente parou o centro de Moscou. Uma Ferrari F450 Spider, que custa cerca de 350 mil euros, acertou um Range Rover estacionado na Avenida Kutuzovski, capotou, atingiu mais 3 carros e só parou muitos metros depois. No carro viajavam dois rapazes de 19 anos. O “piloto” sofreu apenas ferimentos leves, enquanto seu amigo teve traumatismo craniano, torácico, fraturas por todo corpo e está internado em estado grave. Segundo a polícia, o rapaz dirigia a mais de 200km/h.

Segundo o site “Gazeta”, o “piloto” é filho de um dos maiores banqueiros da capital russa e teria recebido a máquina há apenas três dias, como presente de aniversário. E o paizão chegou ao local antes do socorro, em sua poderosa e caríssima Maserati…

Em menos de um mês, é o segundo acidente envolvendo aspirantes a Vin Diesel em Moscou. No último dia 17, uma Lamborghini Murcielago – que vale 250 mil euros – seguia a mais de 200km/h pela Avenida Lenin, quando atingiu um Honda Civic, um Ford Mondeo e um Lada Zhiguli. Em seguida, os três últimos pegaram fogo, matando os dois ocupantes do Murcielago e o motorista do Mondeo.

E, nesse caso, um mistério: os dois rapazes que estavam no carro italiano tinham 22 (motorista) e 16 anos (passageiro). O menor, mesmo estando no banco do carona, conseguiu sofrer traumatismo craniano ao ficar com a cabeça presa no volante. O que os dois estariam fazendo?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.