Dia de lembrar o ‘outubro negro’ em Moscou

0
842
views

Ontem, em Moscou, foi dia de começar a lembrar dos mortos naquele que foi chamado de ‘Outubro Negro’ (Чёрный октябрь em russo). Para quem não se lembra, foi a crise constitucional que opõs o então presidente Boris Yeltzin e o Soviete Supremo, o parlamento da época. O país esteve à beira de uma guerra civil e, durante os maiores confrontos desde a Revolução de 1917, quase 200 pessoas morreram e outras 500 ficaram feridas.

Tudo começou no referendo de abril do mesmo ano. Em tempos de grave crise, as perguntas eram:

1 Доверяете ли Вы Президенту Российской Федерации Б. Н. Ельцину? – Você confia em Boris Yeltzin como Presidente da Rússia? (58,7 % responderam que sim)
2 Одобряете ли Вы социально-экономическую политику, осуществляемую Президентом Российской Федерации и Правительством Российской Федерации с 1992 года? – Você aprova a política sócio-econômica do Presidente da Rússia e o Governo da Rússia desde 1992? (53,0 % responderam que sim)
3 Считаете ли Вы необходимым проведение досрочных выборов Президента Российской Федерации? – Você considera uma antecipação na eleição para a presidência da Rússia necessária? (49,5 % responderam que sim)
4 Считаете ли Вы необходимым проведение досрочных выборов народных депутатов Российской Федерации? – Você considera uma antecipação na eleição para o Congresso de Deputados da Federação Russa necessária? (41,2 responderam que sim)

Daí para frente, a situação se deteriorou ao ponto de que o Congresso efetivamente depôs Yeltzin, nomeando para seu lugar Alexander Rutskoy. A revolta popular que se seguiu, no entanto, foi determinante para um enterro total e absoluto das pretensões comunistas de retomar a União Soviética e legitimar um então combalido Yeltzin.

Então, 18 anos depois, dezenas de comunistas se reuniram com a nobre missão de lembrar e ‘honrar’ os mortos naquele trágico episódio. E os amigos do jornalismo colaborativo e popular do Ridus esteve lá, nos dois eventos – um perto do metrô Krasnoprenskaya e outro na torre de TV Ostankino. Veja como foi na galeria de fotos (todas do Ridus, aliás).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.